Alexandre Maraslis - Spiritual Awakening - Independente - 49:00 - 2000 - Brasil

O Disco

Escrito, produzido e tocado por Alexandre Maraslis
Músicos convidados: Dany Roland (Bateria e Percussão), Francis Nickpoitier (Guitarras) e Marcio Rocha (Violão)

Músicas

Spiritual Awakening (1-13)

1 - Prologue (Incl. The Beginning of The Astral Movement)
2 - Travelling through the Edge of Mind
3 - The Battlelines
4 - Good Old Fractures Life
5 - Virtual Race
6 - Lost in Space
7 - Restricted Dark Area
8 - Storms and Hopes
9 - The Advisor (Shallaka's Theme)
10 - Turbulent Cicle (A Lapse of Time)
11 - Ritual (The Tribal Dance of the Unknow Purgatory Spirits)
12 - The Calling
13 - Final Approach (Close To Heaven)
14 - Sad Song
15 - Redemption Waltz

capap

A História

Na Inglaterra, em pleno fim de século, a primeira guerra mundial ainda não terminou. Pelo menos Thomas K. Hidden ainda está lá! Nos campos de batalha como soldado ele exterminou muitas e muitas vidas inocentes no intuito de "preservar" e "proteger" a integridade de sua nação. O que ele não sabia até então, era a loucura em que sua vida estava prestes a se tornar, com sua consciência confusa carregando o peso da dor e do sofrimento de suas vítimas.

Vinte e cinco anos depois, Thomas sofre um sério acidente de automóvel, perto da pequena cidade onde mora. Sua situação é crítica!!! Mas o que ninguém pode imaginar é que dentro daquele corpo em coma, praticamente morto, um conflito começaria a surgir com movimentos astrais vindos do infinito subconsciente (faixa 1). Uma passagem para outra dimensão se abria, algo estranho e desconhecido de todos nós! Sua mente viaja sem direção para outro mundo. Toda a sua vida passa por seus pensamentos numa fração de segundo (faixa 2). Thomas sente que está sendo levado à viagem mais bizarra de toda a sua vida, onde irá a lugares que o ser humano jamais imaginou existir. As lembranças do acidente são vagas e distantes  nesse momento... No fundo de seu coração, ele sente que está sendo levado ao encontro mais importante de sua vida. Thomas flutua, e com essa sensação vem também a energia pesada e as imagens de corpos e destruição. O lugar que Thomas Hidden jamais imaginou voltar estava diante de seus olhos novamente: o campo de batalha, a guerra (faixa 3). No meio de toda essa pressão psicológica, Thomas lembra de sua vida pacífica antes da guerra (faixa 4). Uma época onde não conhecia ambição, destruição e morte. Mas isso é um passado distante agora. A mão do destino deixou sérias cicatrizes em sua alma, e não há como voltar atrás em relação a isso! De repente, uma nuvem preenche seus pensamentos, e Thomas se sente em um corredor infinito, onde flashes virtuais de sua vida correm freneticamente sem que ele possa controlar nenhum movimento. (faixa 5) É nesse momento que ele se entrega totalmente à esta experiência espiritual, deixando seu corpo ser levado para onde tiver que ser levado. Instantaneamente tudo pára e uma sensação de vácuo aparece (faixa 6). Ele se sente perdido em espaço e tempo, mas não se importa mais. Sua decisão já tinha sido tomada. Uma estranha intuição aflora de seu pensamento e diz que sua decisão foi sábia, (faixa 7) e que ele deve esperar o julgamento final... Thomas K.Hidden acabou de atingir uma região de trevas que todos nós temos em nossos subconscientes, mas não conseguimos atingí-la. Não são necessárias imagens ou palavras nesse momento. Apenas sensações são experimentadas, intuições, vibrações espirituais, ventos de fenomenais tempestades e corações queimando e suplicando pelo renascimento do espírito (faixa 8). Ao redor de Thomas, apenas vibrações... O bom e o mal, as tempestades e as esperanças da humanidade, em busca do tão desejado equilíbrio. Ainda do vácuo, uma luz transcendente preenche o vazio trazendo Shallaka, o conselheiro que possui todo o esclarecimento espiritual do universo (faixa 9). Shallaka explica a Thomas que essa é a necessária preparação para o ritual de purificação da alma (faixa 10). Apesar do ciclo ser turbulento, é a única forma de se atingir a vibração espiritual para o ritual de passagem. Nesse exato momento, Thomas retorna a seu consciente e recorda-se de sua situação no hospital. Ao perguntar a Shallaka a respeito, o conselheiro diz que seu espírito não mais pertence a seu corpo material! Milhares de rostos brilham em frente a Thomas, assustando-o de início, e depois despertando sua curiosidade. Eram as almas de suas vítimas na guerra, que após esclarecimento, entenderam que Thomas não teve culpa de suas mortes, e voltaram a essa dimensão intermediária para perdoá-lo! Daí, Thomas é jogado a um lugar extremamente primitivo (faixa 11). Começa o ritual de dança dos espíritos do purgatório, uma dança que celebra a glória da passagem de mais uma alma para uma dimensão superior. Esse ritual pertence a uma ordem religiosa que existiu em tempos remotos, antes da loucura criada pelos seres humanos. Finalmente sinos, muitos sinos ecoam no ambiente do ritual, marcando, assim, seu término (faixa 12). É a hora de Thomas Kenthridge Hidden, uma pessoa pacata forçada a renunciar toda a sua bondade pela guerra, descançar em paz.

Nossa alma é única. Não existe preço nem para ela, nem para nossos desejos! Não podemos deixar que levem nosso poder de decisão sobre nossas vidas.  Hoje, a guerra acabou... esperamos que para sempre

Comentários

Tecladista da banda Chronus Mundi, Maraslis lança seu primeiro disco solo de forma totalmente independente. Gravado em seu estúdio (Freezer), Maraslis conseguiu compor um disco enérgico e ao mesmo tempo melódico, sem cair na mesmice. As referências são óbvias (Tangerine Dream, Vangelis, Camel) e ajudam a premiar este trabalho solo que deve ser respeitado. Maraslis desponta como uma ótima novidade no rock progressivo brasileiro neste ano 2000 .
Contatos: maraslis@mail.com.