Alpha III - Temple of Delphos - Independente

Uma pena. É desta forma que começo esta avaliação deste LP (convertido para CD de forma independente) por Amyr. Com apenas 15 horas no estúdio para registrar este disco, Amyr fez o melhor que pode nas condições que enfrentou na época. Musicalmente temos neste trabalho um dos melhores itens de eletrônico-progressivo do Brasil. Desde a levada árabe-folk de Delphos até a apoteose sinfônica da faixa-título (difícil não se apaixonar pelas "camas" de teclados tocadas entre 03:15 e 04:45), passando pelos momentos meio blues Serpenth, pelo clima etéreo e futurista de The Mistery, forrada de excelentes efeitos eletrônicos. O CD culmina com solos analógicos a la Rick Wakeman. Valeria muito mesmo que Amyr regravasse este trabalho com uma banda completa. A capa ilustra uma imagem bizarra da mitologia grega. Este item perdeu-se em relação ao vinil, cuja capa era mais interessante.

Músicos:
Amyr Cantúsio Jr. - violão clássico, órgão, sintetizador CS-30L, emuladores de teclados analógicos, piano elétrico, baixo moog e programações
Romano A. Ferrari - bateria acústica e eletrônica

Músicas:
1 - Gorgonah 3:54
2 - Temple of Delphos 10:46
3 - Serpenth 6:13
4 - Orpheus 8:04
5 - Delphos 3:36
6 - Plêiades 5:17
7 - The Mistery of Elêusis 3:49
8 - Persephonis 4:34

Avaliação:
Composição e músicas - Muito bom
Produção e gravação - Não avaliado
Músicos: Bom
Arte/Encarte: Não avaliado

Home - Resenhas