Soto - Platypus - 2002 - Cuneiform Records

Na ativa desde 1996, a jovem banda francesa Sotos foi formada em Bourdeaux pelo guitarista Yan. Cansado do Pop maistream e após alguns experimentalismos, ele chamou alguns amigos da Escola Nacional de Música da França e forou a banda. A banda tem fortes influências de Magam e Univers Zero. Para quem conhece o meio, a banda é considerada o enfant terrible do Zehul e do RIO.

Após o lançamento do primeiro disco pela Gazul (Musea), a banda realizou mais de 80 shows pela França, abrindo para Sinead O'Connor e Noir Desire. Todos estes shows e a repentina exposição renderam à banda um trabalho para o cinema: a composição da trilha sonora do filme "Les 1001 nuits", dirigido por Laurent Boulanger, estrelado pelo conhecido ator francês Bruno Solo.

Platypus é o primeiro trabalho pelo selo americano Cuneiform e foi produzido pelo mestre da engenharia sonora do movimento ReR (trabalhou com o Nebelnest, Thinking Plague, %uu's entre outros) Bob Drake. O som é dark melódico com elementos clássicos e contém os ritmos do rock e ainda possui elementos do jazz, zeuhl, RIO and folk europeu. Sofisticado e inovador.

Malstrøm - 40:57
1. Malstrøm, Pt. 1
2. Malstrøm, Pt. 2
3. Malstrøm, Pt. 3
4. Malstrøm, Pt. 4
5. Malstrøm, Pt. 5
6. Malstrøm, Pt. 6
7. Malstrøm, Pt. 7
8. Wu - 27:37

Nicolas Cazaux - violino
Yan Hazera - guitarra e metalofone
Nadia Leclerc - celo
Bruno Camiade - baixo
Michael Hazera - bateria e percussão

Home - Resenhas