Univers Zero - Rhythmix - 2002 - Cuneiform Records

Defnidos pela Keyboard Magazine como "Música de câmara para o Apocalipse", os belgas do Univers Zero, um dos fundadores do movimento RIO (Rock In Opposition), faz um "rock de câmara" dark e elegante com uma instrumentação única (piano, teclados, violino, clarineta, bassoon, guitarra, baixo e oboé) combinados com um imaginário gótico, elementos de Folk europeu e o estilo único de composição de Daniel Denis, inspirado pelos compositores avant-garde do início do século XX. O Univers Zero ultrapassou e desintegrou a fronteira entre o clássico e o rock.

Neste CD, Denis utiliza tanto o acústico (bassoon, oboe e harmonium) quanto o eletrônico (teclados e sintetizadores), estilo que muito marcou a banda nos anos 80. Adicionou a isto mais 10 músicos e diversos instrumentos: flauta, trumpete, violão, marimba e acordeon. O Univers Zero, depois de 30 anos, ainda continua a experimentar e a expandir. Uma banda muito importante.

1. Terres Noires (Blacklands) - 6:06
2. Rêve Cyclique - 5:53
3. Rouages: Second Rotation
(Cogwheels: Second Rotation) - 3:38
4. Invisible Light - 3:09
5. Phobia - 5:31
6. Zorgh March - 3:23
7. Zébulon - 3:09
8. Forêt Inviolée (Secret Forest) - 2:19
9. Shanghaï's Digital Talks - 4:48
10. Emotions Galactiques (Galactical Emotions) - 5:47
11. Waiting for the Sun - 3:16
12. Fly-Toxmen's Land - 4:50
13. Rêve Cyclique (Reprise) - 0:50

Michel Berckmans - oboe, corneta, bassoon e voz
Aurelia Boven - celo (1/5/9)
Ariane De Bievre - flauta e pícolo (2)
Daniel Denis - bateria, percussão, teclados e harmnonium
Dirk Descheemaeker - clarineta baixa (7)
Bart Maris - trumpete (6/10/12)
Eric Plantain - baixo
Christophe Pons - violão (1/3/5)
Bart Quartier - marimba e Glockenspiel
Lousion Renault - acordeon (1)

Home - Resenhas